Ao abrir uma empresa, é comum que os gestores e proprietários se preocupem com diversos fatores. Entre eles, estão a contratação de funcionários, a qualidade do serviço prestado, os lucros e as contas a pagar. Com tantas coisas em mente, uma questão de extrema relevância acaba sendo esquecida: toda empresa deve ter um advogado.

Por mais que alguns digam que não, a presença de um profissional com conhecimento técnico da legislação vigente faz toda a diferente na administração dos negócios. Isso porque, mais importante que a elaboração de defesas em processos judiciais, é a adoção de medidas que previnam tais procedimentos.

Diante disso, para que você entenda melhor as razões pelas quais é importante contar com um advogado na sua empresa, elaboramos uma lista. Confira!

Conferência da documentação e dos contratos

A presença do advogado é essencial tanto na fase de constituição da empresa, quanto após o início das atividades. No primeiro momento, ele poderá auxiliar com a preparação da documentação necessária para criar a empresa. Já no segundo momento, esse profissional pode vir a contribuir com a análise de todos os contratos que forem firmados com os fornecedores, clientes e funcionários.

As leis brasileiras são complexas. Cada ato jurídico praticado exige o cumprimento de diversos requisitos que apenas um profissional qualificado pode verificar. Acredite: relações contratuais são sempre diferentes e cada uma tem a sua particularidade. Sendo assim, não confie em modelos da internet. Prefira contratar um advogado.

Apoio nas medidas preventivas

Com a correria do dia a dia e a automatização das ações, é comum que erros passem despercebidos e que alguns clientes reclamem do serviço ou do produto.

Diante disso, a presença do advogado, além de reduzir os riscos de erros, é essencial nas questões relacionadas ao direito do consumidor. É importante conhecer profundamente a legislação consumerista para sanar eventuais problemas de forma amigável e diminuir as chances de ações judiciais que normalmente geram multas e indenizações.

Redução dos riscos de ações trabalhistas

Cumprir todas as normas previstas na CLT e nas Convenções Coletivas de Trabalho não é uma tarefa fácil. São várias garantias e benefícios que variam conforme a categoria, além de diversos impostos que devem ser recolhidos em favor dos funcionários.

Por ser assim, e considerando que as alterações na legislação e na jurisprudência são frequentes, contar com o apoio de um advogado é essencial. Com os conhecimentos adequados, ele contribuirá para a legalidade dos contratos de trabalho e para a redução dos riscos de ações trabalhistas.

Auxílio nas ações estratégicas

Por conhecer a legislação trabalhista, empresarial e tributária, o advogado poderá auxiliá-lo na realização de auditorias e de um planejamento tributário eficiente. Dessa forma, será possível reduzir os gastos com o pagamento de impostos e aumentar a lucratividade.

Essas ações estratégicas são essenciais para o crescimento da empresa e segurança na realização de investimentos.

Economia

Com menos erros, você terá menores chances de ter que arcar com o pagamento de multas, juros, indenizações e honorários advocatícios.

Além disso, contratar um advogado para cada demanda individual acaba gerando um custo muito mais alto que contar com um advogado próprio ou com uma equipe terceirizada que conhecerá a fundo a realidade dos seus negócios. 

Com todas as vantagens apontadas acima, fica fácil compreender porque toda empresa deve ter um advogado. Além de apoio nas atividades rotineiras, o profissional é importante para que você sinta segurança ao contratar, planejar e investir em novos projetos.

Esse texto te ajudou? Então deixe um comentário abaixo e compartilhe a sua experiência conosco e com os nossos leitores!